UMA PEQUENA GRANDE ESCOLA

A Premier é um sonho realizado que foi por trinta anos acalentado. É a concretização de um ideal voltado para uma educação de qualidade que deve explicitar suas ações tendo como foco as concepções de ser humano, mundo, sociedade, educação.
Para enfrentar o desafio da qualidade de ensino é preciso adotar condutas investigativas reconhecendo o que já foi pensado e construído a respeito da educação. Ao mesmo tempo, é preciso ousar e romper com paradigmas que não oferecem mais respostas às inquietações que vivemos.

Em contato com experiências bem sucedidas na educação, uma que atraiu minha atenção foi a das escolas japonesas (que visitei quando passei pelo Japão). Foi a questão do número de alunos por escola que não ultrapassa a casa dos 500. Quando pensávamos na Premier já sabíamos que nosso projeto estava destinado a ser uma “pequena grande escola”, ou seja, não queríamos uma escola com milhares de alunos.

Quem procura a Premier vem em busca de uma educação que atende cada aluno em suas características particulares, o que só é possível acontecer em grupos menores. Grupos menores potencializam ações pedagógicas que podem ser mais significativas e adequadas ao processo ensino-aprendizagem, que se constrói em tempos e espaços históricos particulares, singulares.

Acreditamos que a progressão do saber acontece passo a passo, a partir dos saberes prévios dos alunos e da complexidade do aprender em suas dimensões sociocultural, afetiva e pedagógica.

Na dimensão pedagógica, sabe-se que em grupos menores é possível práticas significativas e contextualizadas mais afins com os processos cognitivos sem tirar o foco dos quatro pilares básicos propostos ao mundo pela UNESCO (educar para ser, CONVIVER, CONHECER, FAZER). Acreditamos que conseguimos estimular a prática do nosso slogan, que é ’Educação responsável nasce de ideias, princípios e valores’.

  • Ideias - num mundo onde a diferença entre os homens será o talento, a criatividade, a capacidade de reinventar, de fazer ”mais com menos”.
  • Princípios - sobre os quais baseamos nossos comportamentos e nos conduzem para melhores ou piores resultados em nossas vidas.
  • Valores - éticos, morais e sociais, capazes de transformar as pessoas em arquitetas do SER. Só assim teremos cidadãos responsáveis, comprometidos com a construção de um mundo melhor.

Agradecemos a todas as famílias, verdadeiras parceiras, que acreditaram em nosso projeto educacional deixando seus filhos sob nossos cuidados.

Maria Augusta Sanches Rossini